FANDOM



História

Após uma desastrosa batalha contra o criminoso conhecido como Senhor Boneco, Tony Stark percebeu que a Armadura do Homem de Ferro Modelo 1 era muito pesada, especialmente em seu estado, o que causava um uso excessivo de energia para a armadura simplesmente aguentar seu peso. Para remediar esta situação, Tony projetou uma armadura de combate mais elegante e leve.[2]

Anthony Stark (Earth-616) from Tales of Suspense Vol 1 59 cover

Pouco tempo após vestir o Modelo 2 pela primeira vez, Tony projetou um capacete mais forte, leve e confortável para ele.[3].

Quando Tony Stark assumiu a Stark Resiliente, um dos modelos dessa armadura foi derretida para criar a Armadura do Homem de Ferro Modelo 38.[4]

Após Tony sofrer um ataque mental do Lama Negra, ele criou uma cópia completa de sua mente no caso de ele sofrer um ataque similar no futuro. Tendo baixado o backup de sua mente em uma versão da armadura Mark 2, ele então submeteu-se a uma lavagem cerebral para que ele esquecesse sobre a criação da I.A.[5] Ela retornou quando ele foi submetido a inversão moral durante o confronto contra o Massacre Vermelho[6], mas Tony foi capaz de subverter e desativá-la,[5] forçando a I.A. a se transferir para outra armadura.[7].

Propriedades

Geral

Esta armadura é, essencialmente, uma versão mais leve, mais flexível e mais manobrável da armadura do Homem de Ferro originais de Tony Stark. Por exemplo, a placa peitoral foi reduzida em espessura para uma camada "finíssima" e o capacete foi redesenhado de tal forma que era tão leve, que Stark afirmou que seu usuário mal poderia sentir que estava o usando. A redução no peso permitiu que Stark adicionasse mais dispositivos de proteção. As partes da armadura possuíam a mais articulação, tais como as pernas e braços, utilizando uma malha metálica maleável, em vez de uma chapa de metal sólido.[2] Uma malha ultra fina em 3D foi incorporada para uma superfície totalmente móvel.[8]

Além das baterias em miniatura na placa peitoral (com circuitos de aproveitamento de energia aprimorados[8]), a armadura incluía unidades de bateria de emergência adicionais nos braços e pernas.[2] Um compartimento na manopla esquerda revelou um medidor de energia usado para manter o nível de energia da armadura sob controle.[9] As baterias da armadura podiam ser carregadas por ligar a placa peitoral em qualquer fonte elétrica ou com o uso de um gerador embutido.[10] A armadura carregava um cabo de extensão de reposição no caso do seu usuário ter que recarregar a armadura durante uma emergência.[11] No caso da potência da armadura precisar ser aumentada, energia extra era armazenada no cinto da armadura.[10]

Um novo mecanismo tornou o processo de vestir a armadura muito mais rápido que o Modelo 1, o qual tinha que ser completamente colocado de forma manual (um processo que levava 3 minutos.[8]) Nesta armadura, as únicas peças necessárias para ser encaixada no corpo eram o tronco, os "adaptadores" dos braços e pernas (os punhos das luvas e as bainhas das botas), os dedos e o dorso das mãos e as solas das botas. As malhas metálicas eram puxadas magneticamente dos adaptadores para os outros setores da armadura em menos de dois segundos. A armadura podia ser removida com a mesma facilidade.[2]

Esta armadura é a primeira a implementar o conhecido esquema de cor vermelho e amarelo. Dois capacetes principais foram utilizados com esse modelo. O Modelo 2 Mark 1 possuía uma placa facial com bordas irregulares na testa, fazendo parecer com chifres.[2] O Modelo 2 Mark IA possuía um capacete com rebites na testa. Este capacete era mais forte e leve, contava com uma máscara de oxigênio embutida (embora esse recurso podia estar prense na versão anterior)[3] e um aparelho de respiração de emergência subaquático que podia durar cerca de 15 minutos[10] e filtros de oxigênio.[12]

A segunda geração de botas a jato, as quais foram agora reduzidas a menos de uma polegada de espessura e permitiam ao usuário da armadura voar longas distâncias. No entanto, períodos prolongados de uso as sobrecarregavam, fazendo com que os jatos se exaurissem até que pudessem ser recarregados.[13] Similar ao Modelo 1, essa armadura possuía patins, os quais eram utilizados principalmente para viagens curtas em terra, a fim de economizar energia que de outra forma teria sido usada para as botas a jato. Um giroscópio em miniatura para a estabilidade doo voo estava localizado na parte superior da bota esquerda.[14]

Equipamentos diversos incluem sistemas de computador,[13] com comunicações de rádio (com uma antena de rádio embutida no ombro esquerdo e peças de reposição de rádio no cinto,[14]) e sensores,[15] um gerador de ondas de alta frequência,[9] poderosos ímãs,[13] uma broca,[16] e agarradores magnéticos (para se prender em superfícies metálicas),[3] e uma pequena lâmina de diamante escondida no polegar da mão direita que podia ser ativa pela aplicação de pressão no dedo do parafuso.[12] Alguns desses dispositivos sub-miniatura estavam localizados na fivela de cinto flexível da armadura.[14] Equipamentos de primeiros socorros eram armazenados dentro da aba no topo da bota direita.[14]

Poderes Ofensivos

A força aprimorada fornecida pela armadura permite ao seu usuário facilmente erguer objetos pesados,[2] ao ponto de ele ser capaz de impedir a queda de um foguete com pouco esforço na potência máxima.[17] Fontes de energia adicionais localizadas nos punhos da armadura fornecem aos braços um empurrão extra.[13] De acordo com Tony Stark, as luvas desta armadura fornecem um golpe duas vezes maior do que a armadura anterior.[2]

A armadura inclui repulsores magnéticos alojados na palma de cada luva,[14] e uma descarga elétrica que poderia ser disparada dos dedos da armadura,[18] e uma electro-rajada modular que é magneticamente preso no pulso magnético da armadura.[12]

A luz no peito de poder variável é forte o suficiente para dissipar poderosos raios de energia,[9] e ainda pode ser utilizado como uma luz de busca.[13] Um aprimoramento permite que a luz de busca emita luz Ultra Violeta.[19]}

Poderes Defensivos

A carcaça da armadura pode proteger o seu usuário de disparos de armas pequenas,[16] até poderosas rajadas de energia das mais poderosas flechas do Gavião Arqueiro.[20] O isolamento da armadura é até mesmo capaz de proteger o seu usuário de explosões atômicas a queima-roupa.[13] Os geradores eletromagnéticos em miniatura da armadura permitiam ao seu usuário criar campos de força magnéticos repulsivos.[21][3] A armadura é, no entanto, vulnerável à oxidação, assim aos produtos químicos que aceleram este processo.[20]

Realidades Alternativas

Terra-64087 (Lar dos Vingadores Demoníacos)

Avenger (Earth-64087) from Avengers Vol 1 7

Homem de Ferro usando sua armadura

O Homem de Ferro (Tony Stark) usou sua armadura para aterrorizar Manhattan.[22]



Notas

  • Em Tales of Suspense #50, é mostrado que a armadura possuía régua de cálculo em seu braço esquerdo, a ferramenta mais utilizada para realizar cálculos em ciência e engenharia antes da invenção da calculadora de bolso. Devido a natureza da "Linha do Tempo Flutuante", é provável que este recurso não seja mais cânone.
  • Essa armadura é conhecida como a "Armadura Ditko" pois ela foi projetada pelo artista do Homem de Ferro na época: Steve Ditko.
  • A proeminência dos "chifres" desta armadura quando ela apareceu pela primeira vez variava dependendo do artista, e às vezes ela mudava até mesmo na mesma edição. Inicialmente, os chifres eram quase inexistentes. Em Tales of Suspense #50, os chifres começaram a ganhar proeminência. Representações dos "chifres" da armadura depois que ela havia deixado de ser a armadura principal do Homem de Ferro eram geralmente semelhante as representações de Jack Kirby de tal característica.
  • Quando o capacete rebitado apareceu pela primeira vez em Tales of Suspense #54, ele também incluía uma série de rebites estabelecidos verticalmente através do centro do rosto. Estes rebites foram misteriosamente removidos na edição seguinte sem explicação. Os eventos de tal edição aconteciam imediatamente após a edição #54, sendo que não haveria nenhuma maneira para que os rebites fossem removidos fora dos painéis.


Curiosidades

  • Sem Curiosidades.


Veja Também


Links e Referências

  • Nenhum.

Notas de Rodapé


Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.